Fevereiro tem saldo positivo no balanço entre demissões e contratações em Cambé

O setor formal de Cambé manteve em fevereiro saldo positivo no balanço entre as demissões e as contratações realizadas no período, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego.

Exatos 727 trabalhadores foram admitidos no período com carteira assinada, enquanto o número de desligamentos foi de 634, resultando em diferença de mais 93 postos de trabalho abertos.

O recorde, porém, é mantido por janeiro, quando 192 postos de trabalho foram criados diante de 881 admissões e 689 desligamentos. Os resultados dos dois primeiros meses de 2018 são animadores. Em 2017, os reflexos da crise econômica no País acumularam saldos negativos por meses seguidos.

Dentre as profissões em destaque, a lista tem no topo a atividade de alimentador de linha de produção, que em fevereiro somou 50 contratações contra 21 desligamentos, com saldo positivo de 29.

No outro extremo estão as atividades da construção civil, que persistem com saldos negativos. Foram contratados em fevereiro 20 pedreiros mas 33 deles foram demitidos, com saldo negativo de 13.

Quanto aos serventes de obra, foram contratados 15 e demitidos 21, com saldo negativo de 6. Os pintores de obras também enfrentaram um fevereiro de baixas. Nenhum foi contratado e seis foram demitidos.

O saldo negativo também importunou o trabalhador volante da agricultura em fevereiro. Foram demitidos nove deles e nenhum foi admitido em função correspondente.

Fevereiro apresentou saldo positivo na Microrregião de Londrina, com 8.435 admissões e 7.967 demissões, dando saldo positivo de 469.  No Paraná foram 102.638 admissões e 94.935 demissões, com saldo positivo de 7.703.

O Brasil também reverteu o balanço em fevereiro, com saldo positivo de 61.188 postos de trabalho criados diante das 1.274.965 contratações e 1.213.777 desligamentos.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


%d blogueiros gostam disto: